Alunos em Macaé são homenageados por desempenho em Olimpíada de Matemática

Alunos em Macaé são homenageados por desempenho em Olimpíada de Matemática

A secretária de Educação, Leila Clemente, entregou certificado de honra aos alunos que conquistaram a premiação referente à avaliação aplicada no ano letivo de 2017.

0
Compartilhar
Homenagem às alunas vencedoras das Olimpíadas de Matemática. Macaé/RJ. data: 09/07/2018. Foto: Guga Malheiros

Alunos de Macaé premiados na 13ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas receberam, nesta segunda-feira (9), homenagem especial da rede municipal em dois turnos: de manhã na Secretaria de Educação e à tarde, na sede da prefeitura. A secretária de Educação, Leila Clemente, entregou certificado de honra aos alunos que conquistaram a premiação referente à avaliação aplicada no ano letivo de 2017.

São eles: João Henrique Mendes da Costa, da Escola Municipal Polivalente Anísio Teixeira, com medalha de prata; Nayra Marques de Souza, do Polivalente Anísio Teixeira e Larissa Machado da Silva, medalhistas de bronze. Larissa recebeu medalha no ano letivo de 2017 e, atualmente, estuda no Instituto Nossa Senhora da Glória.

A homenagem também foi para os medalhistas de bronze Anna Lyvia Mendonça Freiman (Colégio Municipal Sana), que está estudando no Instituto Federal Fluminense (IFF); Everson Miranda Martinez (Olga Benário Prestes), atualmente aluno do Colégio Aplicação (CAp) e Jhulie da Costa Januário (Colégio Municipal Dr. Cláudio Moacyr de Azevedo).

Durante a entrega de certificados, a secretária de Educação, Leila Clemente, destacou que a rede municipal tem descoberto diversos talentos. “Os alunos e professores se dedicam e vencem desafios. A premiação é mais uma conquista para a educação”, conta.

Famílias se emocionam – A premiação emocionou familiares dos alunos. Eliziane Oliveira Marques, mãe de Nayra Marques de Souza, fez questão de comparecer à homenagem. “Fiquei muito feliz. Minha filha é estudiosa e dedicada. Sempre incentivo que ela estude e participe de programações como esta”, observa.

Estudante do 8º ano, Nayra Marques, afirma que foi uma surpresa ser premiada. “Sempre gostei muito de Matemática, mas não esperava. Tenho que me dedicar bastante, pois quero fazer faculdade de Ciências Biológicas”, conta.

Pais de Ana Lyvia Mendonça Freiman, Adenizar João Freiman e Dalva Mendonça Dames, também se mostraram orgulhosos. “Ela sempre se destacou nos estudos e em projetos como robótica. Ana Lyvia é nossa caçula e sempre estudou em escola pública. Agradecemos muito a todos os professores pelo apoio e comprometimento”, disse a mãe.

Aluna do curso técnico de Meio Ambiente, do Instituto Federal Fluminense (IFF), Ana Lyvia declara que o Colégio Municipal do Sana é inesquecível. “Estou honrada com a medalha. Devo muito ao colégio. Amo aquele espaço. Sempre faço questão de visitá-lo”, fala.

A premiação oficial da OBMEP foi realizada na quinta-feira (5), no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro. A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas é um projeto nacional, dirigido às escolas públicas e privadas, realizado pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada, com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática e promovida com recursos do Ministério da Educação e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Deixe uma resposta