Suspeito de assassinar vereador de Araruama é preso

Ciraldo foi morto a tiros no domingo (8).

252
Vereador é morto com sete tiros em Araruama/ Foto: Reprodução Internet

A Polícia Militar prendeu, em ação conjunta com a Polícia Civil, na madrugada desta terça-feira (10), um homem apontado como o responsável pela morte do vereador Ciraldo Fernandes da Silva, de 57 anos, em Araruama. Um outro homem, chefe do tráfico da comunidade do UTA, na Fazendinha, também foi preso.

Segundo a Polícia Militar, os agentes receberam informações privilegiadas de que o chefe do tráfico da comunidade do UTA, identificado como Dezinho, de 26 anos, estaria escondido em uma pousada em Saquarema, com a namorada, que não teve a identidade divulgada. Após ser detido no local, o traficante negou participação no crime, mas apontou que o responsável era Yuri Santana Ortega dos Santos, conhecido como Semente, de 18 anos.

Os policiais foram até uma residência em Araruama e localizaram Yuri com uma pistola calibre 9mm. Ele confessou participação no assassinato do vereador e informou que quem atirou primeiro em Ciraldo foi um outro homem, chamado Guilherme, que já tinha problemas pessoais com o parlamentar, devido ao trabalho desenvolvido por Ciraldo na comunidade. Yuri indicou ainda um esconderijo onde havia farta quantidade de entorpecentes.

Ainda de acordo com a PM, Dezinho e Yuri são oriundos da Zona Oeste do Rio de Janeiro, da região de Bangu.

A Polícia Militar, em conjunto com a Polícia Civil, está em busca de Guilherme. Quem tiver informações que possam levar ao paradeiro do suspeito, pode denunciar, de forma anônima, pelo telefone (22) 2665-2413 ou 190.

Semente foi detido 36h após a morte do vereador. A delegada da 118 DP, Janaina Peregrino, havia pedido um prazo de 72h para solucionar o crime.

Segundo informações extraoficiais, a motivação do crime foi a mais torpe possível: apenas implicância com o vereador que não aceitava se submeter ao comportamento dos envolvidos com o tráfico no local. A versão de cobrança por propina não foi confirmada.

A ocorrência foi registrada na 118 DP e os acusados serão encaminhados para o sistema prisional.

Fonte: RC 24h – Cabo Frio