Homem resiste a abordagem da Guarda Municipal e é algemado e levado para a delegacia em Rio das Ostras

Motoboy que não tinha CNH, afirmou que não sabia que o local era impróprio para estacionar, pois de acordo com ele, não estava sinalizado.

2271

Um homem de 24 anos que estacionou sua motocicleta de forma irregular no Centro de Rio das Ostras, foi detido pela Guarda Civil Municipal de Rio das Ostras e levado para a delegacia do município. Um vídeo que circula na internet, mostra Rony, condutor da moto, segurando a motocicleta, em seguida, sendo algemado pelos guardas municipais e derrubado, imobilizado no chão.

No conteúdo gravado pela esposa de Rony, é possível ver dois guardas e o motorista do caminhão de reboque, que teria agredido o condutor, de acordo com Rony. O fato ocorreu na noite desta segunda-feira (9), por volta das 18h30 na Alameda Casimiro de Abreu em frente a uma loja de departamentos.

De acordo com Rony, que trabalha como motoboy, o local não estava sinalizado, e por este motivo não teria como ele saber se poderia ou não estacionar ali, já que outros veículos também estavam reunidos no mesmo lugar.

O motoboy que não tinha CNH, informou aos guardas que sua moto estava regular, estava com a documentação de compra, e que ligaria para o seu pai, habilitado para retirar a motocicleta do local, mas de acordo com ele, os guardas logo acionaram o reboque para levar o veículo. Na tentativa de impedir que a motocicleta fosse apreendida, o proprietário segurou o veículo, mas foi algemado e imobilizado pelos guardas.

Durante todo tempo estávamos conversando de maneira amigável, tentando solucionar o problema, mas eles quiseram agir de forma violenta contra meu marido. Algemaram o Rony como se ele fosse um criminoso“, contou a esposa que gravou toda a ação e teve seu celular confiscado pelos agentes.

Em depoimento os agentes alegaram que foram agredidos pelo rapaz, e por este motivo, somando com a situação da resistência, o mesmo foi algemado na tentativa de contê-lo. Nossa equipe também tentou conversar com os servidores envolvidos no caso, mas não conseguimos contato com os mesmos.

Rony teve o celular e relógio quebrados e está com marcas de agressão nas costas, nos braços e peito. A defesa do rapaz pretende entrar com uma ação judicial contra o município, por danos morais e o pedido de apuração do crime de abuso de autoridade por parte dos guardas municipais.

Por meio de nota, a prefeitura de Rio das Ostras, disse que os Guardas Civis Municipais agiram conforme a Legislação de Trânsito, já que a moto foi parada em estacionamento proibido. Ainda segundo o município, no que diz respeito a abordagem, os guardas agiram de acordo com a lei tendo em vista que o infrator estava apresentando resistência. O rapaz foi conduzido para a 128ª DP, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência. Com relação ao veículo, o mesmo foi rebocado porque o rapaz que não tinha os documentos em seu nome.