terça-feira, novembro 12, 2019

Vânia Cabral

COLUNISTA

Estética - beleza em foco: Micropigmentação e Microblading entenda e saiba escolher sua técnica.

Estética

Micropigmentação e Microblading entenda e saiba escolher sua técnica

As sobrancelhas bem preenchidas estão com tudo, mas nem todos têm a sorte de tê-las naturalmente perfeitas. Por causa disso, foram criadas técnicas para fazer o preenchimento, como é o caso do microblading e da micropigmentação, dois tipos de procedimentos que permitem redesenhar as sobrancelhas e melhorar a aparência e a autoestima de quem procura por eles.

Os processos são muito parecidos em sua essência, já que ambos se inspiram em uma técnica japonesa de tatuagem e se valem do visagismo para garantir o desenho ideal para o formato de rosto de seus clientes. E com isso surge a dúvida, devo trabalhar com microblading ou micropigmentação? Apesar disso, eles utilizam equipamentos diferentes e têm resultados bem distintos, por isso é necessário conhecê-los antes de definir com qual das técnicas você vai trabalhar.

Entenda quais são as diferenças entre microbading e micropigmentação e descubra em qual dos dois você deve investir!

Materiais utilizados

A micropigmentação tem como principal instrumento o dermógrafo, que é um aparelho utilizado para desenhar fio a fio na pele ou para obter o efeito esfumado. Seu principal ponto negativo é o fato de ser elétrico, gerando uma trepidação que exige muita prática do profissional para garantir precisão, especialmente se estiver utilizando as agulhas mais finas.

As agulhas mais grossas têm a vantagem de não exigir tanta experiência, mas, em compensação, elas resultam em fios mais espessos e artificiais.

Já o microblading é feito com o uso do tebori, um instrumento de alta precisão que não precisa de eletricidade para ser utilizado. Ele funciona como uma caneta e tem um resultado muito próximo do real, já que permite desenhar fios muito finos e delicados.

Existe dor ? Antes de começar procedimento o profissional utiliza um anestésico que é passado sobre a pele para anestesiar . O Anestésico sendo bom não existe dor .

Diferenças no resultado final

A micropigmentação geralmente vai conferir um resultado menos natural, pois os fios desenhados são mais espessos por causa das agulhas. Apesar disso, devemos destacar que há excelentes profissionais com muita experiência que são capazes de desenhar fios bastante delicados e com muita precisão usando um dermógrafo. Tudo isso vai depender do comprometimento e do tempo dedicado para aprender a praticar a técnica.

Mas para quem busca uma formação profissional mais rápida e que vai garantir resultados mais eficientes, o microblading pode ser a alternativa mais indicada. Além disso, por oferecer um resultado mais seguro e mais natural.

É importante ressaltar que, independentemente da técnica escolhida — microblading ou micropigmentação —, ambos os procedimentos têm prazo de validade. Eles são aplicados em uma camada superficial da pele e, por causa disso, acabam desbotando em um ou dois anos. Apesar disso, são uma excelente alternativa para quem não quer ter o trabalho de preencher as sobrancelhas com maquiagem todos os dias.

E então, tirou suas dúvidas a respeito dessas duas técnicas? Com qual você prefere trabalhar? Qual você pretende fazer ? Agora a escolha é sua!

Leia também:

Conheça as ilhas de Macaé apelidadas de "Caribe Macaense", passeios turísticos e muito mais

Mais Colunistas

Magno Lopez

Escreve sobre os movimentos culturais, mostra o trabalho dos artistas locais e dá dicas de entretenimento da região.

Anuncie aqui

210 x 400