Diretoria do Hospital da Mulher em Cabo Frio é trocada após mortes bebês

456
Após a 17ª morte de bebês, populares invadem Hospital da Mulher em Cabo Frio

Após ser alvo de investigações da Comissão da Assembleia Legislativa (CPI) e da Câmara Municipal de Cabo Frio e protestos violentos por mortes de bebês, o Hospital da Mulher, em Cabo Frio, está sob nova administração.


A ginecologista e obstetra Tânia Lydia Matosinhos Lowen Pires assumiu a diretoria geral; Cristina do Vale também ginecologista e obstetra, ficou responsável pela diretoria técnica; e a enfermeira Simone Sant’Anna pela diretoria administrativa.

De acordo com a Prefeitura, todas profissionais possuem uma vasta experiência na administração pública. A nova diretora geral, Tânia, é formada pela Universidade Federal Fluminense, pós graduada em Gestão Hospitalar e Serviço Público pela Universidade Estácio de Sá. Tânia já havia assumido a função de diretora do Hospital da Mulher por dois anos e meio.