Criminosos obrigam motorista a dirigir durante fuga, após roubar coletivo no Sana em Macaé

574
13 DP em Macaé

Quatro homens foram presos nesta terça-feira (5) após assaltarem um coletivo na localidade de Sana, Região Serrana de Macaé. Segundo informações da Polícia Militar (PM), eles ainda tentaram fugir da polícia por uma mata, mas logo foram capturados.

Durante abordagem, os criminosos confessaram que haviam assaltado o coletivo. De acordo com o primeiro suspeito que seria o proprietário do veículo utilizado no roubo, um Renault Duster, de cor cinza, ele quem teria conduzido o automóvel até abordar o coletivo.

Segundo a ocorrência, enquanto dois integrantes da quadrilha roubavam os pertences das vítimas, um terceiro envolvido, portava uma réplica de fuzil ameaçando as vítimas. Ainda segundo a ocorrência, na fuga, os criminosos sequestraram o motorista do coletivo, ordenando-o a dirigir o veículo até o Sana.

Ao perceberem que estavam sendo perseguidos por viaturas da polícia, durante o trajeto, os criminosos jogaram vários pertences das vítimas e toca ninjas pela janela. Perguntado sobre o dinheiro do roubo, um dos criminosos informou que teria enterrado em um buraco, onde ordenou que o motorista do ônibus retornasse com seu veículo e posteriormente iria buscá-lo. No local, foi encontrado apenas uma sacola rasgada e o buraco vazio.

Sobre a réplica do fuzil, o criminoso informou que desfez do simulacro no alto do morro, durante a fuga, não sabendo exatamente a localidade. Os criminosos foram levados para a 123ª Delegacia de Polícia de Macaé (123ª DP), onde o crime foi registrado e os mesmos presos. Segundo apuração da Civil, todos eles já possuíam passagem pela polícia, por crimes como homicídio, roubo e tráfico de drogas.