Construções irregulares são demolidas durante operação municipal em Tamoios

1266
operação em Tamoios, nesta quarta-feira (17)/ Foto: Divulgação

Uma operação realizada pela Prefeitura de Cabo Frio, flagrou o início de um parcelamento irregular do solo no Parque Veneza, na região conhecida como “Chavão”, em Tamoios, segundo distrito de Cabo Frio.

A ação aconteceu nesta quarta-feira (17), onde os agentes também encontraram construções sobre a Lagoa de Unamar e o Rio Gargoá, e também um muro reconstruído após ter sido demolido pelos próprios agentes em ação anterior, sob a linha de transmissão de energia elétrica.

As rondas em Tamoios são feitas regularmente, mas, nesta quarta-feira, a rapidez e o nível de desobediência dos grileiros de terra surpreenderam os próprios agentes municipais. Um muro, construído sob a linha de transmissão de energia e dentro do Parque do Mico-Leão-Dourado, foi novamente demolido, uma vez que os agentes já haviam feito uma demolição no mesmo local há duas semanas, aproximadamente.

No Parque Veneza, um grande parcelamento irregular do solo dentro uma Área de Proteção Ambiental foi desfeito, com a retirada de centenas de mourões e arame utilizados para a ocupação.  Os agentes aproveitaram para estender a ronda até a Lagoa de Unamar, onde foram detectadas irregularidades nas Ruas da Capivara e Orlando Bragança, dentro da faixa de proteção do Rio Gargoá e sobre a Lagoa. Os responsáveis foram identificados e serão responsabilizados pelos danos ao meio ambiente e pelos atos de grilagem.

“Quanto mais priorizamos as ações em Tamoios, mais pressionamos os grileiros. Nesta ação, conseguimos identificar alguns responsáveis e eles irão responder penalmente. Nossas ações estão sufocando os criminosos e não vamos parar. As construções irregulares identificadas em áreas públicas ou de proteção ambiental, após todos os atos administrativos, serão demolidas, restabelecendo as áreas ao seu estado inicial”, afirmou o coordenador de Assuntos Fundiários, Ricardo Sampaio.