Comparativo de redução de crimes entre os anos de 2018 e 2019 são divulgados pelo 32º Batalhão

716
Comparativo de redução de crimes entre os anos de 2018 e 2019 são divulgados pelo 32º Batalhão/ Foto Arquivo - Internet

O Comando do 32º da Polícia Militar de Macaé, responsável pelas cidades da região, incluindo Rio das Ostras e Casimiro de Abreu, divulgou essa semana os índices de criminalidade. De acordo com o Instituto de Segurança Pública (ISP), em 2019 houve reduções dos indicadores estratégicos de criminalidade (roubo de Veículo, roubo de carga, roubo de rua e crime violento não intencional).

De acordo com o batalhão, o trabalho realizado de maneira integrada com as polícias Civil e Federal, Guarda Municipal, Mobilidade Urbana, Exército Brasileiro, Marinha do Brasil e a Sociedade, foi fundamental para o aumento do número de autos de prisão em flagrante em 25,7% (maior variação dentre todas as AISP do estado) e de 14,4% das apreensões por tráfico de drogas (4ª maior variação dentre todas as AISP do estado) e foram apreendidas 289 armas. Ficando a AISP 32 em 2° Lugar no Estado no alcance das metas.

2019 fechou com balanço positivo também para a 3ª CIA com sede em Rio das Ostras. Assim como as demais cidades, o município também teve redução na criminalidade. Dados do ISP afirmam que Rio das Ostras obteve uma redução de 40% em furto à transeunte e menos 43% em roubo de rua, além de outros indicadores que também apresentaram redução.

“Em 2020 o trabalho continua com o objetivo de garantir a população maior segurança e que os resultados sejam ainda melhores”, disse o Coronel André Henrique, comandante do 32º BPM.